As 5 Regiões do Brasil - Como ele é separado e suas características


Geopoliticamente, o Brasil está dividido em cinco regiões ou macro-regiões. Estas regiões foram definidas pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística: Norte, Nordeste, Centro-Oeste, Sul e Sudeste. Embora oficialmente reconhecida, a divisão do Brasil em cinco regiões não é baseada em fatores geográficos, culturais e econômicos, e não tem impacto político. Em vez disso, as regiões são principalmente para fins estatísticos, bem como para a organização e distribuição dos fundos públicos. As cinco regiões do Brasil são descritas abaixo.



5. Norte

A região Norte é a maior do Brasil, representando 45,27% da área total do país. No entanto, apesar de ser o maior da área, ocupa o quarto lugar em termos de população. A região Norte inclui os seguintes estados: Amazonas, Tocantins, Pará, Acre, Amapá, Roraima e Rondônia. A região abrange uma área total de 3.853.676, 9 km2, tem uma população de 17.707.783 em 2016, e uma densidade populacional de 4,6 pessoas por km quadrados.

4. Nordeste


A região Nordeste do Brasil é composta por nove estados: Maranhão, Rio Grande do Norte, Paraíba, Sergipe, Bahia, Alagoas, Pernambuco, Ceará e Piauí. O Cênico arquipélago Fernando De Noronha também pertence à região. A região Nordeste está associada à rica história e cultura, e foi a primeira região do Brasil a ser descoberta e colonizada pelos europeus. A região abrange uma área de 1.558.196 km quadrados, tem uma população de cerca de 56,9 milhões de habitantes, e tem uma densidade populacional de 34 pessoas por km quadrados. É a terceira maior região do país em termos de área, ocupa o segundo lugar na população, e tem o menor PIB per capita.

3. Centro-Oeste


A região Centro-Oeste do Brasil inclui três estados: Mato Grosso do Sul, Mato Grosso e Goiás. O Distrito Federal, que abriga Brasília, a capital do Brasil, também faz parte da região. Localizada no coração do país, a região Centro-Oeste cobre uma área de 1.612.077, 2 km quadrados, o que representa 18,86% da área total de terra do Brasil. Apesar de ser a segunda maior região por área, é a menos povoada, com uma população de cerca de 15,6 milhões de habitantes. Possui uma densidade populacional de apenas 10 pessoas por km quadrados, o que classifica como a quarta região menos densamente povoada do Brasil. 86,3% da população vive em áreas urbanas.

2. Sudeste


A Região Sudeste é a região mais rica do Brasil. A região é composta por quatro estados: Rio de Janeiro, São Paulo, Espírito Santo e Minas Gerais. A Região Sudeste abrange uma área de 924.511, 3 km quadrados e tem uma população de 86,3 milhões de pessoas, que é a quarta maior região por área e a mais populosa. É também a região mais densamente povoada, com uma densidade populacional de 87 indivíduos por km quadrados. A região contribui com cerca de um terço do PIB total do país, e tem uma economia altamente diversificada que é baseada em várias indústrias, como máquinas, Serviços, aviação, finanças, automóvel, comércio e têxteis. A Região Sudeste estende-se da Costa Atlântica para o interior e apresenta planícies costeiras, planícies interiores, altas montanhas, colinas, cavernas e vales.

1. Sul


A região sul do Brasil é composta por três estados: Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Paraná. A região cobre uma área de 576.409, 6 km quadrados, tornando-se a menor região do país. A região sul tem uma população de 29,4 milhões de habitantes e uma densidade populacional de 50 indivíduos por km quadrados. É a terceira região mais populosa e a segunda mais densamente povoada do Brasil. A área total da região é menor que a do Estado de Minas Gerais no sudeste do Brasil.
A região sul é um centro cultural, econômico e turístico, e seu PIB per capita é o segundo maior do país. Tem a menor taxa de criminalidade de qualquer região, e é, portanto, considerado o mais seguro do país para visitar.

Comentários